Como funciona o pagamento do Construcard? Existe período de carência?

Veja como funciona o processo de pagamento das parcelas do Construcard e também durante a fase de utilização do mesmo? Entenda como são feitos os pagamentos no período de carência.

 

Quando você faz a contratação do cartão Construcard você tem duas opções para iniciar os pagamentos, ou seja, você pode informar a Caixa que quer utilizar dois meses de prazo para utilizar o cartão e logo em seguida iniciar os pagamentos ou pode dizer que quer um prazo maior de 6 meses para fazer a compra dos materiais e só depois disso você fazer o primeiro pagamento das prestações que irão amortizar a dívida que você está contraindo.

Carência ou período de utilização

Qualquer que seja a opção que você escolha no período de utilização que pode ser 2 ou 6 meses, você não irá pagar nenhuma prestação do cartão, mas pagará os juros referente ao valor que você já utilizou. No meu caso eu optei por usar 6 meses e depois iniciar o pagamento, mas como no primeiro mês eu já utilizei uma boa parte do valor que havia destinado para o cartão, logo no segundo mês já foi feito o débito na minha conta de um valor referente aos juros valor que eu havia utilizado é assim aconteceu até o final do período de seis meses.

Prazo de pagamento

O prazo de pagamento pode chegar até noventa e dois meses, mas isso dependerá de uma avaliação de crédito que a Caixa fará e em muitos casos pode ser que eles estabeleçam um prazo menor para pagamento dependendo do perfil do cliente. A regra é simples: prazo maior, mais juros. Portanto o ideal seria você fazer no menor prazo possível e assim você estaria pagando menos juros e fazendo a amortização da dívida no tempo bem mais rápido.

Sobre os juros que eu citei acima que são pagos mesmo dentro do período de carência, vai depender da taxa de juros que você contratou e do valor que você utilizou, mas é um valor significativo se você fizer o uso de boa parte do recurso que contratou. Minha dica é se você sabe quais materiais pretende comprar e se isso possivelmente possa acontecer num período curto, então é melhor você optar pelo prazo de utilização de 2 meses e logo depois começar fazer o pagamento.

 


Veja também

2015-2016 | Financiamento e Construção | Política de Privacidade | Em Jesus nós confiamos