Como avaliar use um pedreiro é bom ou não?

Ao construir uma casa é necessário fazer a contratação de um pedreiro, mas como avaliar o trabalho desse profissional de saber se ele é um bom pedreiro ou não? Existe alguma dica para fazer esta avaliação?

 

De fato é uma preocupação bastante comum parte das pessoas que precisam construir uma casa que tem necessidade de contratar mão de obra de pedreiro e mestre de obras, não é fácil dizer como fazer uma avaliação de um profissional desse tipo, mas existem alguns indicadores que podem ser considerados e algumas dicas que podem ser válidas antes de você fechar negócio com um pedreiro.

Obras realizadas

A primeira coisa que você deve fazer é visitar algumas obras que ele tenha feito e esta talvez a mais importante de todas as avaliações que você poderá fazer, afinal de contas é no trabalho executado que podemos constatar com os nossos próprios olhos a qualidade do serviço de pedreiro. Isso não quer dizer que todos sejam ruins, o que nós estamos querendo dizer com isso é que você tem uma expectativa quanto o resultado final e ele normalmente entrega a obra com certo nível de qualidade, portanto ao fazer esta avaliação você poderá observar se a qualidade que ele oferece está de acordo com expectativa que você tem o resultado final da sua casa. Naturalmente que para você pode não ser ideal, mas para outras pessoas pode ser que sim, isto não significa que ele seja ruim, mas que simplesmente que não está no padrão que você precisa.

Preço da mão de obra

A outra avaliação que você precisa fazer é a de preço, a final bom pedreiro dificilmente trabalharia por um preço muito baixo e depois você pegar alguns orçamentos você já vai começar a perceber qual é a faixa de preço que o mercado trabalha para aquele tipo de obra e se pode ser também um fator importante considerar. Mas não fique muito preso a este item, afinal existem bons pedreiros que cobram relativamente baixo pelo seu trabalho e alguns que cobram bem alto às vezes deixam a desejar em certos aspectos também.

 


Veja também

2015-2016 | Financiamento e Construção | Política de Privacidade | Em Jesus nós confiamos